Meditação Ativa

 Quando se fala em meditação, muitas pessoas já imaginam uma cena onde estará sentada, em silêncio, com os olhos fechados, tentando silenciar a mente. Nessa dinâmica, muitos de nós, terminamos as práticas mais frustados e estressados do que quando começamos. Aquietar a mente borbulhante de pensamentos é uma tarefa desafiadora ao se considerar a rotina agitada e estressante que muitos de nós vivemos.

As Meditações Ativas não se parecem nem um pouco com essa meditação tradicional de se aquietar e silenciar a mente. As Meditações Ativas são práticas que utilizam de movimentos, danças, sons, respirações, catarses, etc. para alcançar um estado meditativo.

Nessas dinâmicas são exploradas algumas expressões físicas que permitem vivenciar um processo de limpeza e alívio de toda sobrecarga que as pessoas carregam, se libertando de muitos sentimentos e emoções que ficam armazenados no corpo, criando um estado de stress, depressão, ansiedade ou angústia. Após essa limpeza, num processo de catarse, é possível vivenciar um leveza, um relaxamento da mente e do corpo.

Uma catarse é necessária porque seu coração está tão sufocado, devido ao seu cérebro. Seu cérebro se apoderou tanto de seu ser que ele lhe domina. Não há lugar para o coração, então os anseios do coração são sufocados. Você nunca riu de todo coração, nunca viveu de todo coração, nunca fez nada de todo coração. O cérebro sempre aparece para sistematizar, para tornar as coisas matemáticas e o coração é suprimido. Portanto, primeiramente, um método caótico é necessário para empurrar o centro da consciência do cérebro para o coração. OSHO

Durante as Meditações Ativas pode-se utilizar concomitantemente som, movimento e respiração, dessa forma, é possível vivenciar um processo de sair da mente e se tornar mais perceptível pro corpo, e como as emoções se manifestam nele, como é fluxo de energia… se tornando assim mais consciente de si.

O Centro Metamorfose sempre utiliza de Meditações Ativas em seus trabalhos terapêuticos. Osho desenvolveu singulares técnicas de meditações que são muito utilizadas nos trabalhos realizados pelo Centro Metamorfose, além disso, também foram desenvolvidas técnicas de meditações pelos próprios terapeutas que compõe o quadro de profissionais do Metamorfose, sendo assim, tanto nos atendimentos individuais, como nos grupos realizados, os terapeutas trazem essa ferramenta auxiliando os interagentes a vivenciarem um processo de auto-conhecimento e expansão de consciência através de tais técnicas.

Prem Beeja

Publicado em Sem categoria | Deixe um comentário

O que é o Tantra?

massagem-Tantrica-SPAfinal… O que é o Tantra? A palavra Tantra pode ser traduzida de diversas formas, entre elas está: código, teia, rede, trama, tecido. Ou de uma maneira mais profunda, o Tantra  pode ser traduzido como “A trama existencial que tece a vida de cada um”.

O Tantra é uma filosofia comportamental, onde se trabalha a maneira como a pessoa lida consigo mesmo, com o outro, com o universo e com Deus. Dessa forma, como uma filosofia comportamental, não se aprende sobre o tantra através de estudos, teorias, debates ou algo do tipo. O Tantra se aprende através da vivência, da prática, da experiência.

Sendo assim, o que são e como acontecem as vivências tântricas?

Vivências tântricas trabalham a bioeletricidade produzida pelo corpo, de forma natural. E em todo esse potencial energético, existe uma particularidade que se destaca: uma corrente elétrica que parte da base da coluna e segue de maneira ascendente até o topo da cabeça. A chamada Kundaliní, passando por todos os chakras, trazendo um reequilíbrio energético, restabelecendo saúde física, emocional e mental.

O Tantra é um meio de expansão de consciência. Um trabalho de desenvolvimento do potencial sensorial do corpo. Onde todo esse desenvolvimento dito, parte do corpo, se inicia em trabalhos corporais. O Tantra se atenta como a pessoa reage a estímulos, como ela lida com emoções e sentimentos, como isso afeta o corpo e como é a relação com a sexualidade, utilizando a energia sexual para atingir outros níveis de percepção e consciência, afinal essa é a energia mais forte e mais poderosa que o há no ser humaposts_tantrano.

O Tantra se caracteriza por ser sensorial, matriarcal e desrepressor. Ao vivenciar o Tantra se percebe a Divindade que habita no corpo, assim, cria-se um respeito e reverência a ele. Isso vai em contra partida com a maneira que a nossa sociedade vive, afinal, viemos em uma sociedade anti-sensorial, patriarcal e altamente repressora. Logo, se propor a vivenciar o tantra traz várias quebras de tabus e desconstruções de paradigmas. O mais forte deles, a energia sexual.

O Tantra lida com a energia sexual não apenas como uma energia ligada ao ato sexual, à fantasia e erotização, mas sim como uma energia criativa, uma energia da criação. Essa energia de base, que nasce no primeiro chakra Muladhara, tem potencial de transformação, de realização. Em todas as atitudes do homem, alguma energia é utilizada, essas energias nada mais são do que a própria energia sexual canalizada.

Sendo assim, em diversas vivências tântricas, o caminho se dá através do prazer, da consciência corporal, sentido de maneira consciente o corpo físico para posteriormente estar perceptível ao corpo energético mais sutil. A partir desse trabalho é possível vivenciar uma experiência de transcendência, conexão com o Divino e com o Sagrado da Vida. Um caminho de auto-conhecimento onde você se conecta com sua essência.

“O verdadeiro Tantra não é técnica, mas amor. Não é técnica, mas oração. Não é orientada pela cabeça, mas um relaxamento no coração. Por favor lembre-se disso. Muitos livros foram escritos sobre o Tantra, todos eles falam sobre técnicas, mas o verdadeiro Tantra não tem nada a ver com técnica. O verdadeiro Tantra não tem nada a ver com técnica. Não se pode escrever sobre o verdadeiro Tantra. O verdadeiro tem de ser absorvido. Como absorver o verdadeiro Tantra? Você terá de transformar toda a sua abordagem.”

OSHO

 

Prem Beeja – Terapeuta Tântrica

Publicado em Sem categoria | Deixe um comentário

Renascimento

AAEAAQAAAAAAAAZ4AAAAJDVhZmYwMjJkLWVlZGEtNDFkMi1hYWQ2LWVkMTZkOGVlNzQ5NQ

O Renascimento é um tipo de respiração que tem sido utilizada como terapia para dissolução de bloqueios, traumas, medos e tristezas. A principal ferramenta é a Respiração Circular, uma respiração conectada que foi sistematizada por Leonard Orr.

Nosso corpo possui memórias. Os sentimentos, pensamentos e emoções traumáticas que se experimentam ao longo da vida ficam registrados na forma de tensões corporais de diferentes níveis, bloqueando o fluxo de energia e vitalidade.

A Respiração do Renascimento traz uma consciência diferente para o corpo, permitindo acesso a memórias traumáticas que influenciam ao comportamento da pessoa na vida cotidiana e nos relacionamentos. Através de um contato consciente com essas questões pessoais é possível viver um processo de tratamento e cura de qualquer mágoa e trauma que esteja registrado no corpo.

O Renascimento é uma ferramenta profunda de auto-conhecimento, um mergulho profundo em si mesmo que permite, a medida que se vai curando as feridas, um contato cada vez mais profundo com a própria essência. O Renascimento proporciona um movimento intenso da energia do corpo, restabelecendo saúde física, emocional e mental. Dessa forma é possível cada vez mais ir se encontrando com a felicidade interior e se conectando com o sagrado da vida.

“Sua abertura para a vida e habilidade de fluir com ela está refletida no modo como você respira.” (Amano Bela)

Prem Beeja

Publicado em Renascimento | Deixe um comentário

Massagem Tântrica – Método Deva Nishok

AAEAAQAAAAAAAAZ4AAAAJDVhZmYwMjJkLWVlZGEtNDFkMi1hYWQ2LWVkMTZkOGVlNzQ5NQ

Trata-se de um sistema completo de tratamento para expansão da sensibilidade e desenvolvimento do orgasmo, possibilitando uma cura no corpo, na mente e nas emoções.

As massagens possibilitam uma expansão da sensibilidade e elevação do potencial orgástico, trazendo um despertar da bioeletricidade e permitindo alcançar estados de Supra-Consciência.

Os toques e manobras que compõe a massagem permitem que a bioeletricidade do corpo seja despertada, trazendo novas sensações de prazer e modificando a estrutura bioelétrica do corpo, assim há uma expansão da sensibilidade e envolvimento de todo o corpo nas sensações causadas.

O trabalho permite uma tonificação dos músculos da região genital ao mesmo tempo que associa tais músculos a outras extensões musculares do corpo, dessa forma, novas sensações de orgasmos são experimentadas, com intensidades e durações diferentes, sempre no sentido terapêutico.

É um erro pensar que o orgasmo está vinculado unicamente aos estímulos sexuais. Na verdade, ele pode ser sentido pelo corpo todo, uma vez que os estímulos corretos sejam aplicados.

As Massagens Tântricas do Método Deva Nishok proporcionam viver um processo de desenvolvimento onde todo o corpo passa a ser envolvido na onda de prazer que é possível sentir. Assim é possível experimentar vários tipos de orgasmos (secos não ejaculatórios, ejaculatórios e o Hiper-orgasmo).

A Terapêutica Tântrica do Centro Metamorfose traz o conceito de “orgasmo sem sexo”. No trabalho proporcionado pelas massagens, o corpo é provocado a viver diversas experiências de orgasmos no sentido terapêutico. O orgasmo nada mais é  do que uma reação neuro-muscular que, dados certos estímulos, vai acumulando energia nos músculos até atingir um ponto de não sustentação. A energia então é liberada e o orgasmo acontece. Quando um orgasmo acontece no corpo, é liberado hormônicos como ocitocina, serotonina e endorfina, que são hormônios responsáveis pela felicidade e bem estar.

Diante de todo esse trabalho realizado com as massagens, o processo deixa de acontecer apenas no corpo e atinge esferas emocionais e psicológicas, no sentido de dissolver bloqueios que inibem o fluxo de prazer a saúde da sexualidade.

Publicado em Massagem Tântrica | Deixe um comentário